Image default
Games Hands-on Últimos Destaques

Testamos Project Cars 2 e o jogo realmente está incrível

Para todo bom fã de jogos simuladores de corrida, games como Forza e Gran Turismo sempre entram na lista de must play. Mas, nos últimos anos, um novo jogo entrou a toda velocidade na disputa contra esses dois gigantes do volante: lançado em maio de 2015, Project Cars chegou com tudo aos consoles oferecendo uma experiência complexa e bastante realista. E, agora, sua sequência está a caminho.

Neste final de semana, fomos convidados pela Bandai Namco para testar a segunda edição do game na presença do diretor do jogo, Stephen Viljoen, e já de cara digo que Project Cars 2 já é um grande peso e referência também nessa lista de simuladores.

 

O teste

O evento de testes contava com seis baias com o game, possibilitando experimentar três formas de jogo diferentes, visando proporcionar maior imersão: uma utilizando PCs com headsets PX22; outra, um PS4 com headsets Turtle Beach Recon 60P; e, por último, um PS4 com o maneiríssimo volante Thrustmaster T300 RS e também os headsets Turtle Beach. Minha decisão foi partir para o mais seguro, já que jogos de simulador de corrida não são minha especialidade, então corri para reservar um PS4.

Saber realizar boas derrapadas é essencial para conseguir uma boa colocação nas corridas. Pena que não sei derrapar…

Iniciei o jogo com o que já estava configurado, com um carro típico das corridas da NASCAR e o resultado foi apenas um: não consegui completar uma volta e, de quebra, tirei toda a lataria do veículo. Ao fundo, ouço uma voz em inglês comentando “tanto trabalho pra desenvolver esse carro, e você já fez isso?” Era Stephen, o diretor do jogo, impressionando com a minha falta de habilidade no volante do veículo. Pior que isso só ter um daqueles pesadelos em que você vai pra escola só usando roupas de baixo. Tenso.

LOJA PLAYREPLAY
Quem disse que não dá pra usar triciclos em Project Cars 2 com certeza não me conhece :P

 

Project Cars 2

Deixando essa minha expertise de lado, mesmo com algumas noobadas a experiência foi muito melhor do que o esperado. Project Cars 2 traz a realidade das corridas para as telinhas, trazendo toda a dificuldade de pilotar em alta velocidade com precisão e de uma forma profissional. Além da alta precisão dos controles, o dano do carro também é impressionante. Inúmeras vezes eu perdi as rodas durante a corrida e não podia evitar de rir dos comentários da equipe do piloto dizendo coisas como “não sei se você percebeu, mas está sem uma roda.” Porém, em casos de acidentes mais pesados (sim, também fiz tal proeza), percebe-se a preocupação da equipe com o piloto, lançando comentários do tipo “está tudo bem com você? Não se preocupe, é apenas um carro, ficamos felizes que você esteja bem.”

Um dos aspectos que mais chamam a atenção em Project Cars 2 é seu sistema de clima, sem dúvidas uma das coisas mais impressionantes que vi no jogo. A transição do clima ocorre de forma natural, deixando você de boca aberta, impressionado com a forma como essa transação emula a realidade. E essas condições de tempo vão influenciar no seu jogo, com certeza. Você pode encontrar dias ensolarados, chuvas intensas ou até mesmo neve pode entrar no seu caminho, exigindo bastante estratégia e habilidade por trás do volante. Afinal, cada tipo de clima vai influenciar suas corridas de formas diferentes, seja com a possibilidade de derrapagem maior ou com a redução do alcance da sua visão, cada um deles vai exigir atenção redobrada e uma passada nos boxes caso você queira subir no pódio.

Uma bela corrida em um belo dia ensolarado!

Outra coisa que me chamou bastante a atenção foi a possibilidade de adaptação do seu veículo para o seu modo de jogo. Você pode realizar corridas testes e, caso o seu veículo não consiga se manter nas curvas em alta velocidade ou a aceleração e recuperação dele estiver baixa, o próprio jogo te ajuda explicando que tipo de alteração você pode realizar no carro para que esses problemas sejam sanados. Ao entrar nesse nível de alteração, você verá que pode regular até a pressão dos pneus. Todos os itens influenciam altamente na sua performance, então é bom prestar bastante atenção no que os profissionais dizem, já que geralmente essas dicas são muito valiosas.

Por fim, vamos falar dos controles. Tanto o controle comum quanto o volante oferecem uma experiência espetacular do jogo. Porém, se você tiver a opção de escolher, a dica é sempre optar pelo volante. A precisão das curvas e a sensação de estar realmente atrás de um volante é muito superior à oferecida pelo controle normal, garantindo uma experiência mais vívida de sua jogatina.

Quero um volante desses para mim!

A sequência de Project Cars tem tudo para ser um jogo obrigatório para quem ama simuladores de corrida, além de ser ainda uma boa oportunidade para quem quer entrar nesse mundo. Com todo o suporte que a equipe do piloto te dá dentro do jogo, a diversão parece garantida já que o título acaba, de certa forma, se adaptando à sua forma de jogar.

Project Cars 2 chega às lojas com versões para PlayStation 4, Xbox One e PC no dia 22 de setembro, então já trate de garantir a sua cópia — e aqueça os pneus, pois a corrida vai ser desafiadora!

Related posts

Fortnite Battle Royale | Veja os desafios da Semana 7 da Temporada 8

Rodrigo Estevam

Mortal Kombat X terá mecanismo diferente para punir má conduta em modo online

Kate Silva

Fortnite | Veja a atualização de conteúdo 1 do Patch v.9.30

Rodrigo Estevam