Image default
Games Especial

Top 6 Consoles favoritos do PlayReplay

Falta muito pouco!! Amanhã, dia 30, o PlayReplay completa 6 aninhos de existência! É isso mesmo, estamos no ar há quase seis anos completos, e para comemorar estamos publicando alguns TOP 6 sobre nossos animes, filmes, séries de tv etc. favoritos.

A bola da vez são os consoles de mesa que mais nos marcaram ao longo da vida. Vale lembrar que essas listas não são rankings, então a ordem em que cada item aparece não significa muita coisa.

Top 6 Consoles de mesa favoritos do PlayReplay

Vargolino e Rodrigo se juntaram mais uma vez para listar seus consoles de mesa favoritos, aqueles que mais contribuíram para sua formação como gamers ao longo dos anos.

Abaixo você confere os seis consoles que mais curtimos:

#6 -Xbox One

Xbox One

Embora lançado em meio a grande polêmica — afinal, era um console de games ou uma central multimídia pra assistir esportes? –, hoje o Xbox One se mostra uma das melhores plataformas atualmente disponíveis no mercado.

Quer jogar os games mais recentes? Você pode jogar vários no XOne. Ah, quer revisitar os games da geração passada? O Xbox One tem suporte à retrocompatibilidade, então seus jogos do Xbox 360 vão rodar numa boa! “Ah, mas e os jogos do Xbox original?,” você me pergunta. Nada tema, a retrocompatibilidade do XOne engloba esses games também! São três gerações de jogos disponíveis em apenas um console!

Isso porque nem falamos dos serviços. A Xbox Live Gold, o serviço online do Xbox que dá acesso a jogos multiplayer via internet e dois jogos gratuitos por mês), é bastante estável, dificilmente dando qualquer problema (e quando dá, geralmente resolvem bem rápido). A Xbox Store é super fácil de navegar e encontrar jogos, filmes, séries etc sem a menor dificuldade. E não podemos falar de serviços sem citar a menina dos olhos da Microsoft: o Xbox Game Pass.

O Xbox Game Pass nada mais é do que uma espécie de “Netflix dos jogos”. Pagando uma assinatura mensal, você tem acesso a centenas de jogos para Xbox One, Xbox 360 e Xbox para curtir à vontade enquanto eles estiverem disponíveis no catálogo! Pagando um precinho extra, dá ainda pra pegar o Xbox Game Pass Ultimate que dá acesso a jogos para Windows e ainda inclui o acesso à Live Gold. Bom demais!

#5 -PS4

PlayStation 4

Pensou em exclusivos de qualidade, pensou PlayStation. Apenas para citar alguns poucos títulos de peso, temos o controverso The Last of Us II, Spider-Man, Uncharted 4, God of War e vários, váaarios outros.

A PlayStation Plus, o serviço de assinatura da Sony para o PlayStation 4, também dá acesso a pelo menos dois jogos gratuitos por mês, além de vários descontos na PlayStation Store.

Um dos maiores prós de se ter um PS4 é que a base de usuários do console da Sony é muito maior, facilitando encontrar amigos para jogar online. Em alguns casos, é até mais fácil encontrar produtos PlayStation à venda, já que a demanda por aqui é bem maior no caso do PS4 em relação ao Xbox One.

Se você tiver um PlayStation Vita (assim como eu e outras cinco pessoas ao redor do mundo) pode ainda usar o portátil como uma espécie de extensor, uma segunda tela, transmitindo seu gameplay pra telinha do portátil e continuar sua jogatina em outro ambiente. Dá pra começar a partida na sala e terminar no banheiro. Perfeito pra quem não consegue desgrudar dos seus jogos favoritos!

É uma pena que alguns serviços do PS4 não estejam disponíveis no Brasil.

#4 -GameCube

Nintendo GameCube

Extremamente subestimado, o cubão da Nintendo lançou uma porção de jogos legais, como The Legend of Zelda: The Wind Waker, Metroid Prime, Super Mario Sunshine e Super Smash Bros. Melee. E aquele controle maravilhoso? Depois do analógico destruidor de dedos do N64, jogar no controle do GameCube era uma maravilha!

Por algum motivo, o console acabou não emplacando tão bem, com muita gente pulando essa geração — e de quebra perdendo acesso a muito jogão.

Hoje, quase 20 anos após o lançamento do GameCube, fica cada vez mais clara a relevância do console quadradão da Nintendo.

#3 -Nintendo 64

Nintendo 64

O que falar desse console que marcou a vida de tanta gente? Responsável por fazer a transição do 2D para o 3D, o Nintendo 64 abriu um mundo de possibilidades para os desenvolvedores de games não apenas da Nintendo, mas de toda a indústria de videogames.

Sair da ambientação 2D (ou 2.5D) de A Link to the Past e cair de cabeça no mundo tridimensional de Ocarina of Time era o sonho de muitos fãs de Zelda. Era papo de a gente olhar e pensar “não tem como fazerem um jogo mais realista que isso!”. Surreal, eu sei, mas era bastante comum acharmos que os gráficos do 64 eram o pico do que videogames poderiam ser.

O N64 foi um grande sucesso. O console vendeu bem pra caramba, deixando a Big N super satisfeita e com os bolsos cheios de verdinhas. E o principal: nos deu games maravilhosos para curtir, como 007 Goldeneye, Conker’s Bad Fur Day, Banjo-Kazooie e The Legend of Zelda: Majora’s Mask.

Deu até vontade de ligar meu N64 de novo só pra curtir essas maravilhas novamente!

#2 -Wii

Nintendo Wii

Navegando pelo Oceano Azul, a Nintendo buscou inovar e alcançar um público que ninguém mais imaginou que jogaria videogames: pessoas comuns, não-gamers, tipo seu pai, sua avó ou aquela sua tia que vivia reclamando que precisava entrar em forma mas odiava academia.

Pois é, a aposta do Wii era ser um videogame acessível para qualquer pessoa, tivesse ela 8 ou 80 anos. Com jogos super divertidos e para toda a família como Mario Kart, Animal Crossing e Super Mario Galaxy; passando por games com apelo mais gamer como The Legend of Zelda: Skyward Sword, Xenoblade Chronicles e Resident Evil 4; e o principal: atacando forte o mercado de pessoas que nem jogavam games.

Os jogadores mais casuais também ganharam sua fatia de jogos mais leves e descompromissados, mas apostar em jogos como Just Dance, Wii Sports e Wii Fit transformou o Wii em uma plataforma multiuso, popularizando o console da Big N em uma máquina praticamente obrigatória em cada lar.

#1 -Super Nintendo

Super Nintendo

Super Mario World! The Legend of Zelda: A Link to the Past! Super Metroid! F-Zero! Star Fox! Dá pra ficar listando games sensacionais por horas e horas a fio, e isso falando apenas de games lançados para o famoso Super Nintendo.

Sucesso na década de 90, quando a Nintendo tinha presença forte no mercado brasileiro, o Super Nintendo competia com o Mega Drive e até mesmo com o Master System mas dominava a preferência da maioria dos consumidores, que pendiam para o lado do encanador italiano bigodudo mais amado do mundo dos jogos.

Enquanto escrevo este texto me vêm à mente diversas memórias de noites mal dormidas porque eu simplesmente PRECISAVA jogar mais Zelda, mais Mario, mais qualquer coisa que estivesse ao meu alcance. O Super Nintendo foi o console que me tornou o gamer que sou hoje em dia, e por isso sou extremamente grato à Nintendo. Valeu mesmo, Big N!

Related posts

One Punch Man | 2ª Temporada do anime ganha teaser trailer

Thomas Schulze

A Way Out | Jogo vendeu mais de 1 milhão de cópias

Luciana Anselmo

Metal Gear Survive | Jogo ganha demo gratuita na PS Plus

Luciana Anselmo