Image default
CinemaCinema e TVÚltimas Notícias

Ted Sarandos defende o filme e sucesso de Bright na Netflix

Não é segredo que o filme Bright, de David Ayer e Will Smith, foi, digamos… um pouco mal recebido pela crítica, para ficar em um eufemismo educado.


Veja também:


Ainda assim, ao menos entre o alto escalão da Netflix, parece que o longa possui defensores ferrenhos e importantes. Ted Sarandos, chefe de conteúdo do serviço de streaming, foi bem vocal em sua defesa de Bright.

“A resposta do consumidor ao filme foi ótima. Todas as medidas internas que temos dizem que este foi um dos nossos conteúdos originais mais vistos entre cinema e seriado em todos os tempos. Se olhar os reviews da audiência no rotten tomatoes ou IMDB, vai encontrar experiências bem positivas com o filme. Os críticos são uma parte importante do processo artístico, mas estão bem desconectados do potencial comercial de um filme. Do nosso ponto de vista, se as pessoas estiverem assistindo e gostando do que viram, então é a medida de sucesso que importa.”

De fato, no Rotten Tomatoes Bright teve apenas 27% de aprovação crítica, mas 86% de aprovação dos fãs. É uma dissonância bem parecida com a que vimos recentemente em Star Wars Os Últimos Jedi, que hoje tem 90% de aprovação crítica no rotten, mas apenas 49% na visão dos fãs da série.

E você, o que achou de Bright? Conte pra gente nos comentários aqui embaixo!

Related posts

Puella Magi Madoka Magica é um anime inocente e feliz

Thomas Schulze

Série do Justiceiro da Netflix ganha data de lançamento

Flavio Ferreira

Luke Cage | Segunda temporada estreia em junho

Thomas Schulze