Image default
Games Últimas Notícias

Governo Japonês pede que os jogadores de Pokémon GO se mantenham afastados da região de Fukushima

O Governo japonês está pedindo à Niantic para remover Pokémon que estão na zona de precipitação de Fukushima. A Tokyo Electric Power Company Holdings (Tepco) parece ter solicitado ao desenvolvedor para que mantenha os monstrinhos de bolso longe, muito longe da área radioativa.

Masao Uchibori, o governador de Fukushima, disse que seria perigoso para treinadores entrar nas áreas em questão devido à sua natureza radioativa. O governador confirmou que “o governo provincial vai estudar a forma de chamar a atenção para isso.” Além disso, a cidade de Nagasaki também pediu à Niantic para remover a presença dos monstrinhos do aplicativo no Nagasaki Peace Park, um memorial local para as vítimas do bombardeio atômico.

Este não é o primeiro lugar algum monstro de Pokémon GO apareceu onde não devia. O Museu do Holocausto também tem sido atormentado com Pokémon indesejados e também solicitou a Niantic para remover todos os Pokéstops da sua localização.

O acidente nuclear de Fukushima ocorreu  em 11 de março de 2011 causado pelo derretimento de três dos seis reatores nucleares da usina. A falha ocorreu quando a usina foi atingida por um tsunami provocado por um terremoto de magnitude de 9.0.

Related posts

Bandai Namco abrirá testes de Tekken 7 em lojas japonesas em outubro

Kate Silva

Pokémon Go | Batalhas de Treinador chegam ao jogo em breve

Rodrigo Estevam

Pokémon Go | Mais de 100 shinies são encontrados nos arquivos do jogo

Luciana Anselmo