Image default
Games Últimos Destaques

Final Fantasy VII Remake e os easter eggs: veja agora uma lista com algumas das melhores curiosidades

Final Fantasy VII Remake é um dos remakes mais fieis que você poderá desfrutar. Não bastasse isso, é recheado de referências e homenagens ao game original do PlayStation 1, de 1997.

Separamos alguns deles abaixo. Lembrando que a lista possui alguns possíveis spoilers para quem não jogou o game original ou o remake, então leia por sua conta e risco.

Final Fantasy VII Remake

Easter eggs em Final Fantasy VII Remake

1 – Quando Barret discute com os funcionários da Shinra no trem para o setor 7, toca uma variante do tema de Corel, a cidade natal de Barret e essa é uma referência à sua dolorosa história com a Corporação Shinra, que o traiu. Barret foi um dos que tentou convencer seu amigo Dyne que a Shinra faria a vida das pessoas de sua cidade um lugar melhor.

LOJA PLAYREPLAY

2 – O ruivo Johnny pode realmente ser encontrado nas favelas originais do setor 7 de Final Fantasy 7, do PS1, além de na Costa del Sol e na entrada da Honeybee Inn, no Wall Market.

3 – Se olhar atentamente para as duas fotos penduradas na parede do bar da Tifa, o Seventh Heaven, poderá ver como era sua versão do jogo original.

4 – Se você completar todas as seis missões secundárias no capítulo 3 e iniciar o discovery event (ponto lilás no mapa) você será convidado ao quarto de Tifa. Se você olhar ao lado da cama dela, você pode ver um par de botas de caubói marrom, muito semelhantes às botas que ela usava em Niblelheim durante os eventos cinco anos antes do game original/remake, quando ela serviu de guia pela região para Sephiroth, Cloud e Zack.

5 – Quando você entra furtivamente na casa de Jessie durante o capítulo 4, se você ler a carta enviada aos pais dela, ela menciona ter conseguido um papel de protagonista em uma peça na Gold Saucer, em seguida, Cloud lê alto: “Jessie Rasberry, como… a Princesa?”, um pouco à frente, no game original, quando você revisita a Gold Saucer, é forçado a se juntar à mesma peça, com Aerith, Tifa ou Yuffie fazendo o papel de princesa.

6 – O breve minigame em que você tem que cronometrar seus movimentos com os de Barret e Tifa no reator do setor 5 é uma referência direta ao momento de pressionar o botão de temporização durante a mesma seção no original.

7 – A parte em que você desliza pelos canos no original, para chegar ao fundo do reator do setor 5, também está presente em Final Fantasy VII Remake.

8 – Assim como no original, em Final Fantasy VII Remake enquanto você está escapando de Reno e seus capangas na igreja, você pode usar o ambiente para sua vantagem, derrubando coisas nos soldados da Shinra.

9 – Logo depois de escapar dos turks com Aerith nas favelas do setor 5, antes de atravessar os telhados, ela aponta a direção para voltar ao setor 7, ela então diz “vamos tentar chegar lá?”, pode não ter muito sentido em português do Brasil, mas no original ela diz “shall we mosey on over?”  provavelmente uma referência de onde Cloud tirou a palavra, usada como inspiração para o grupo enfrentar o chefe final do jogo no original, quando ele diz “all right, everyone, let’s mosey“.

10 – Assim como o minigame do botão cronometrado, muitos desses momentos simples de jogabilidade foram trazidos de volta de alguma forma a partir do original. Outro deles, pode ser encontrado quando Elmyra, a mãe de Aerith, pede que Cloud fuja escondido tarde da noite da casa delas sem dizer à sua filha. No original, se você se mover mais rápido do que a velocidade de caminhada, Aerith irá descobri-lo. Em Final Fantasy VII Remake, no entanto, você tem que fugir sem esbarrar em alguns objetos.

11 – Existe uma loja de itens no Mercado Murado (Wall Market), onde se se você tentar apertar um botão em uma máquina, uma metralhadora surge no teto atirando em sua direção. Esta também é uma referência ao game original. Se você voltar a este local mais para frente no game de PS1, no disco 2, você obtém a melhor arma de Tifa, Premium Heart, o que não ocorre em Final Fantasy VII Remake, pelo menos por enquanto.

12 – Em Final Fantasy VII Remake, qualquer personagem que completa uma rodada no Coliseu fará uma pose de vitória inspirada nas animações que ocorriam após vencer batalhas comuns no jogo original: Cloud, por exemplo, gira sua espada no ar; Tifa alonga os braços para cima; Barret vibra com um braço para o alto; e Aerith limpa a poeira do vestido.

13 – A Casa Infernal (Hell House) era certamente um dos encontros aleatórios mais estranhos do original e um dos inimigos que não imaginaríamos como se encaixaria numa versão mais realista do game. Felizmente a adaptaram em Final Fantasy VII Remake de maneira convincente, elevando-a ao nível de chefe.

14 – Uma das missões secundárias que você realiza durante a seção do Wall Market no capítulo 9 foi retirada diretamente dos passos que você tinha que seguir para obter uma roupa para Cloud no original, a fim de vestir-se como uma mulher.

15 – Durante o confronto com Don Corneo em Final Fantasy VII Remake, em um momento em que Cloud, Tifa e Aerith fazem ameaças perturbadoras ao vilão, as frases foram tiradas fielmente do original.

16 – No cemitério de trens, o Ghoul é um novo chefe não presente no original, e assim como a Hell House, Eligor é outro inimigo menor do jogo original que conseguiu uma promoção ao status de chefe.

17 – No momento do colapso da plataforma do setor 7, enquanto Reno e Rude estão voando no helicóptero, Reno mira com a metralhadora em Tifa. Rude, ao perceber isso, mexe nos controles do helicóptero fazendo com que Reno perca o equilíbrio do mesmo. Inclusive, durante a luta contra Reno e Rude na plataforma do Setor 7, Rude não ataca Tifa diretamente, apenas a incapacita por alguns instantes. Isso se deve ao fato de que no game original, durante um segmento em Gongaga, Rude revelar que tem uma queda por Tifa.

18 – No original, dependendo de como você trata e responde a certos personagens, você acaba tendo um encontro com Barret, Tifa, Aerith ou Yuffie, na Gold Saucer. Mesmo não tendo essa parte presente em Final Fantasy VII Remake, dependendo de como você trata Aerith e Tifa ao longo do jogo, resulta também em um encontro à meia-noite com uma delas ou mesmo com Barret.

19 – A primeira visita à casa de Aerith pode chatear alguns, considerando que em Final Fantasy VII Remake eles não incluíram a matéria “Cover” do original, escondida em um canteiro de flores. No entanto, mais tarde no jogo, você pode encontrar uma outra matéria rosa de MP UP no mesmo local.

20 – Quando o grupo está subindo o setor 7 colapsado em Final Fantasy VII Remake, o chefe final desta seção é a Valquíria, uma máquina aérea com metralhadoras duplas e um perfurador, apesar de no original você só lutar contra esta máquina na segunda metade da luta contra o chefe Arsenal, deixando aqui as coisas fora de ordem.

21 – Assim como no original, em Final Fantasy VII Remake você pode se infiltrar nos níveis superiores do quartel general da Shinra subindo as escadas ou por meio do elevador. Mas diferente do original, não espere encontrar um elixir na subida pelas escadas. Pelos elevadores entretanto, assim como no PS1, espere encontrar algumas batalhas durante a subida.

22 – Durante a visita guiada de história da Shinra, Barret faz um comentário sobre nunca confiar na Shinra, enquanto olha para sua arma. Durante o ataque da Shinra à Corel, Barret é baleado no braço ao tentar salvar Dyne, seu amigo, o que resulta nele tendo seu braço substituído pela metralhadora.

23 – Durante o vídeo de realidade virtual apresentado durante o tour na Shinra, quando o narrador está descrevendo os cetras, você vê um trecho do que poderia muito bem ser a cidade dos Antigos, semelhante ao design em concha do original.

24 – Quando você encontra Red XIII, Tifa pergunta a ele qual é o seu nome verdadeiro e ele abaixa a cabeça envergonhado, Cloud muda então de assunto. No game original, mais para frente, descobrimos que o nome dele recebido de sua cidade natal em Cosmo Canyon na verdade é Nanaki.

25 – No jogo original, depois de resgatar Aerith, você é capturado por Reno e Rude enquanto você tenta escapar do prédio da Shinra através do elevador. Você é então colocado nas celas da prisão e, para progredir na história, você tem que selecionar conversar com cada um dos personagens de sua equipe. Em Final Fantasy VII Remake, mesmo não sendo capturado, você é colocado em uma sala onde Aerith cresceu e ela compartilha uma história semelhante sobre o conhecimento que ela possui dos Antigos.

26 – Para passar pelo laboratório de pesquisa de Hojo, você tem que fazer uso de máquinas de comunicação com o nome PHS escrito nelas. Estas permitem que você assuma o controle entre Cloud e Barret, em uma seção do laboratório, e Aerith e Tifa, em outra seção. No original, você usava um dispositivo também chamado de PHS para adicionar ou remover membros do seu time nos save points.

27 – Assim como no original, em Final Fantasy VII Remake Rufus enfrenta Cloud com seu fiel companheiro Darkstar e, assim como no original também, ele foge da luta agarrando-se a um helicóptero com uma mão só.

28 – Desta vez Heidegger é quem pede para que os invasores se identifiquem, aqui entretanto, no momento só estão presentes Red XIII, Aerith e Barret, mas os resultados são igualmente hilariantes. No original, quem pedia para todos os 5 membros do time se identificarem era Rufus.

29 – No game prequel para PSP, Crisis Core: Final Fantasy VII, de 2008, um dos SOLDIER de segunda classe fala que acha a diretora do departamento de Desenvolvimento de Armas da Shinra a mais atraente de toda Midgar, e que não se importaria de ser pisado por ela com seus saltos altos. No remake, mostra um outro personagem, sendo exatamente pisado por Scarlet em seus saltos. Assumimos aqui não se tratar do mesmo personagem por este de Final Fantasy VII Remake ser um membro da infantaria.

30 – Para muita gente pode parecer pura coincidência a aparência de Biggs em Final Fantasy VII Remake estar bem semelhante à de Charlie Sheen no filme Platoon. Porém, para aqueles mais atentos, durante o capítulo 12, ao irem de encontro ao personagem no pilar do setor 7, ao escolher a segunda opção de resposta durante o diálogo, ele diz algo como: “ainda tenho energia suficiente para pelo menos um ou dois PLATOONS”, o que pode simbolizar uma batida de martelo quanto à inspiração da aparência do personagem no remake.

31 – Alguns dos prêmios por pilhar os 3 cofres de tesouros de Don Corneo, em uma missão secundária no capítulo 14, são 3 tiaras, cada uma de uma pedra preciosa (esmeralda, diamante e rubi), alusão direta aos chefes weapons do game original, tanto em nome quanto em aparência.

32 – No game original, para salvar o seu progresso, você dependia dos save points (exceto em raros momentos em que ocorria opção de salvar fora de um save point, como no fim dos discos 1 e 2), o que não ocorre em Final Fantasy VII Remake. No game de PS4, o save pode ser realizado a qualquer momento desde que fora de combate, ou automaticamente em certos momentos. A curiosidade fica por conta de certos bancos espalhados pelo cenário, utilizados para recuperar energia, que possuem ícones estampados neles que remetem ao formato dos save points do game de PS1.

33 – Outro easter egg ocorre já nos primeiros minutos de gameplay, após Cloud derrotar 2 dos soldados de infantaria da Shinra, onde, assim como no original, após derrotá-los, Cloud sobe para o nível 7, em alusão ao número no título.

34 – Ainda no início de Final Fantasy VII Remake podemos ver, em um cartaz de propaganda, uma citação à banora white, fruta originária da vila de Banora, em Crisis Core: Final Fantasy VII.

35 – Durante a invasão ao prédio da Shinra, um dos militares reconhece Cloud do treinamento que tiveram e diz que irá atrás de Kunsel para avisá-lo. Kunsel é um SOLDIER de segunda classe e um amigo leal de Zack, em Crisis Core.

36 – Durante a visita ao Museu da Shinra, você pode ouvir uma gravação do diretor do Programa Espacial da companhia, Palmer, em que ele diz que o programa foi suspenso devido à grande oferta de Mako que Gaia ainda possui. Isso acaba sendo uma prévia da história de um dos futuros personagens do grupo, Cid Highwind, e sua relação íntima com o Programa Espacial da companhia e seu cancelamento.

37 – Um dos lugares que receberam uma repaginada no remake foi a academia no Wall Market, em que NPCs do original acabaram sendo adaptados para personagens mais desenvolvidos, recebendo até mesmo nomes. Curiosamente, os 3 bodybuilders ali presentes são inspirados em fisiculturistas da vida real: Jules teve como inspiração o já falecido Mr. America Jules Bacon, enquanto Ronnie e Jay foram inspirados nos rivais Ronnie Coleman e Jay Cluter.

38 – Durante o combate em Final Fantasy VII Remake, Cloud pode assumir duas poses de combate, uma delas o operator mode, que apesar de ser também a pose base do personagem durante o combate no game original, pode ter sido influenciada pelas memórias de Zack; e o punisher mode, que lembra a pose de combate de Sephiroth e pode ter sido influência das memórias deste.

39 – Ainda na sede da Shinra, em Final Fantasy VII Remake, pode ser encontrada uma alusão à confirmação de que Final Fantasy X canonicamente serve como um prequel de Final Fantasy VII. Em Final Fantasy X-2, há um jovem gênio Al Bhed chamado Shinra que fala sobre aproveitar o poder do Farplane (uma espécie de submundo para os mortos) como fonte de energia. O livro Final Fantasy VII Ultimania Omega faz referência aos descendentes dos jovens Shinra que estabelecem uma empresa que fornece energia ao planeta. Na sede de Shinra, há uma imagem emoldurada antiga que parece mostrar o garoto Al Bhed quando adulto.

40 – Em Final Fantasy VII Remake, na camada superior de Midgar você pode encontrar um cartaz de um tônico capilar, chamado “Hair Tonic Ideal Scalp Hair”. O nome do produto em si não é uma referência, mas sim a frase no cartaz que diz “para cabelos assombrosamente radiantes e espetados”, o que acaba sanando a curiosidade de como Cloud mantém seu cabelo espetado icônico.


Final Fantasy VII Remake está disponível exclusivamente para PlayStation 4.

Fique ligado aqui no PlayReplay para mais novidades

Referências:

Gamespot.com, Reddit.com, TheGamer.com, Monstervine.com, Inverse.com

Related posts

Rainbow Six | Finais da Pro League acontecem neste fim de semana no RJ

Rodrigo Estevam

Tinertia fará de você um mestre em saltos de precisão (Multi)

Eidy Tasaka

Veja vídeo da série Ace Chemicals Infiltration de Batman: Arkham Knight

Kate Silva